Logotipo - Basso
Foto - Recurso estratégico para a competitividade da empresa

Recurso estratégico para a competitividade da empresa

07/04/2021    Nenhum comentário

Mesmo com o desenvolvimento tecnológico dos meios de produção e a sofisticação crescente com que se encara a gestão de processos, ainda hoje se constata que, em muitas empresas, a manutenção não é vista como um recurso estratégico que tem influência direta na competitividade da organização. Em muitos casos, o processo de manutenção ainda é encarado como mal necessário, ou até mesmo como gerador de custos.

A mudança na mentalidade dos gestores e o investimento em processos e ferramentas adequadas são fundamentais para que se avance na capacidade de explorar o máximo dos meios de produção e colocar no mercado produtos que correspondam às expectativas do que foi planejado pela direção da empresa industrial. é aí que a manutenção de máquinas e equipamentos entra como importante recurso estratégico.

 

 

A manutenção preventiva consiste em reduzir, de forma planejada, quebras e falhas em máquinas e equipamentos de forma e assim não comprometer a qualidade dos produtos finais. Ela envolve uma programação de intervenções que antecipam e previnem a ocorrência dos problemas.

 

 

é básico para a realização do plano de manutenção preventiva conhecer as recomendações do fabricante das máquinas e equipamentos e compor estas informações com os dados específicos de operação e funcionamento dos meios de produção da empresa. Além de revisões e trocas de peças, que podem apresentar desgastes ou falhas prematuras, a manutenção preventiva apresenta vários benefícios:

 

 

 

 


  • Reduz o grau de desgaste de máquinas e equipamentos;

  • Otimiza o uso e o funcionamento dos meios de produção;

  • Permite a interferência antecipada no problema, antes de ser necessária a manutenção corretiva, que é mais onerosa;

  • Proporciona a previsão de custos;

  • Minimiza paradas na produção.


  •  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

AVANçOS TECNOLóGICOS FACILITAM AS TAREFAS

 

 

 

 

Hoje, os avanços constantes da tecnologia proporcionam vários recursos que podem facilitar a execução de planos de manutenção preventiva, como aplicativos para identificar falhas de componentes por meio de avaliação visual ou sonora que também possibilitam comparações com fotos e um histórico de ocorrências semelhantes. Há softwares que permitem realizar a abertura de solicitações de serviço por meio de smartphones e tablets e ainda anexar imagens dos equipamentos. Ao receberem as ordens de serviço, as equipes de manutenção realizam o apontamento dos serviços realizados, peças utilizadas e horas de serviço. Há dispositivos que permitem monitorar o desempenho das máquinas, de forma a detectar falhas no estado inicial e corrigi-las em tempo hábil para evitar paradas e prejuízos maiores. Também existem os softwares específicos para fazer a automatização das diversas rotinas que envolvem a manutenção preventiva.

 

 

 

 

Com um mercado que mostra uma concorrência cada vez mais acirrada entre as empresas, é necessário frisar que a manutenção preventiva representa um recurso que, além de melhorar o desempenho dos meios de produção e economizar custos, quando bem aplicada e corretamente conduzida, pode representar grande vantagem competitiva no setor de fabricação de móveis e objetos de madeira e derivados.

 

 

 

 

Ao planejar a manutenção de seus meios de produção, conte com a Basso Engenharia para repor peças com qualidade garantida e elaboração de soluções especiais, específicas para sua empresa.

 

 

 

 

 

Fonte de pesquisa: inovacaoindustrial.com.br

 

 





Comentários

Preencha todos os campos, por favor.

Seja o primeiro a comentar este post!